top of page
  • Foto do escritorIver Frota

Descubra o poder da técnica nos dias atuais


teclando no computador
o poder da técnica

Em Adorno, é possível entender o poder da Indústria Cultural influenciando comportamentos. Uma das características que podemos apontar da cultura contemporânea trata-se do domínio da técnica.


A Era Industrial trouxe tecnologia avançada aos meios de comunicação. O entrete­nimento e a informação chegavam às casas. Entre a indústria que produzia e o consumidor havia os meios de comunicação que realizavam papel importante na aceleração do pro­cesso de replicação dos novos comportamentos.


O produto desenvolvido na indústria passava a ser apresentado ao público através da divulgação em massa; produção de conteúdo que vinha de cima para baixo, dos grandes meios de comunicação à população em massa.


O mercado cinematográfico precisava se expandir para crescer. Existia apenas um centro de grande produção. O que se produzia nele era distribuída aos mercados. A cultura cinematográfica espalhava comportamentos, produtos e diver­sidades ao mundo.


Os meios de comunicação em massa – rádio, televisão e cinema – tor­naram-se os grandes disseminadores de conteúdo. As mentes dos consumidores começaram a receber sucessivos estímulos através de propagandas de produtos ofertados como objetos de prazer.


Tudo isso irá influenciar e mudar para sempre o modo de vida nas grandes cidades e se espalhar rapidamente às outras pequenas.


Adorno chama atenção para o domínio da técnica por grupos econômicos que detém poder disseminante nos meios de comunicação.


Os grandes centros de tecnologia expandem os seus produtos em escala, tornando o processo prático e econômico. A indústria cultural cria o mercado de alta lucratividade e de fácil aceitação. O entretenimento gera lucro, possi­bilitando reinvestimentos em tecnologias e ampliação da distribuição do conteúdo; processo que não para de crescer.


“A racionalidade técnica hoje é a racionalidade da própria dominação.”

A reprodução em massa gera uma ideologia de consumo replicado facilmente. Os veículos de comunicação tornam-se meios de divulgação de tendências, modas e costu­mes. O conteúdo do que é vinculado ganha padrão próprio, passando a fazer parte da rotina do expectador.


A notícia se espalha rapidamente. A propaganda é repetida por diversas ve­zes para que a informação do produto possa ser assimilada pelo consumidor. Quanto mais a divulgação do produto, maior será a sua aceitação no mercado.


“A linguagem e os gestos dos ouvintes e espectadores, até mesmo naquelas nuanças que nenhum método experimental conseguiu captar até agora, estão impregnados mais fortemente do que nunca pelos esquemas da indústria cultural.”

As mudanças de costumes e de pensamentos são inevitáveis. Adorno escreve tudo isso antes da revolução que a internet desencadeou. Mas é possível atualizar o seu pensamento para os dias atuais.


Podemos dizer que a Industria Cultura estava concentrada nos studios de Hollywood, onde os indivíduos eram meros consumidores. Hoje, com as redes sociais e o comércio eletrônico os mesmos passam a ser também produtores de conteúdo.


Conheça a Filosofia dos Negócios. Saiba mais acessando nossa página principal.



Comments


bottom of page